Osprey Reviews 

Review Osprey: Modeling U.S. Armor of WW II

O editor

Antes de mais nada, quero expressar aqui a minha satisfação em redigir o primeiro review da parceria Osprey Publishing/Spruemaster. Recentemente, no anúncio da mesma, teci um comentário sobre o fato, e me sinto honrado com a responsabilidade de avaliar o material.

Falar da Osprey Publishing é bastante fácil. Desde 1968 ela edita e publica livros e outros materiais com conteúdo histórico e militar. Hoje seus títulos vão desde as fortificações do antigo Egito até livros sobre os mais recentes conflitos e seus equipamentos. Passando com louvor pela Segunda Grande Guerra. Claro.

Vale a pena uma visita em seu website  e apesar dos preços estarem em libras esterlinas (GBP), não é nada exorbitante. Foi publicado aqui no Spruemaster como comprar e também como ser membro do site, o que dá direito a várias vantagens, mas principalmente descontos nas publicações.  Aqui um tutorial explicando como comprar na Osprey

O autor

Steve J. Zaloga é analista sênior do Teal Group Corporation, uma firma de consultoria

Publicou numerosos livros e artigos sobre tecnologia e história militar. Seus livros foram traduzidos em japonês, alemão, polonês, tcheco, romeno e russo.

Nasceu na Inglaterra, em 1952 e se formou em história no Union College, Schenectady, NY. Ele recebeu um mestrado em história pela Universidade de Columbia especializada em história moderna do leste europeu, e fez pós-graduação e pesquisa o estudo da língua em Uniwersitet Jagielloński em Cracóvia, Polônia.

 

E além de ter mais de 170 títulos publicados, Zaloga também é um exímio modelista, com centenas de kits montados, como podemos confirmar nas fotos de alguns de seus modelos aí em baixo:

O Livro

Modeling U.S. Armor of World War 2 é um livro que contém 192 páginas, seu tamanho é de 24,7 x 21 cm, com capa dura e miolo impresso em papel couché fosco.

  

             E como o título já define, é exclusivamente voltado para veículos blindados americanos. Só que a grande maioria das técnicas e dicas apresentadas pode ser muito bem utilizada para a construção de kits de qualquer exército e até de épocas distintas.

            No quesito edição, diagramação, tipologia, o livro é muito bem feito, moderno e as informações são muito bem distribuídas nas páginas, o que, junto com o papel couché fosco, faz a leitura ser bastante confortável.  Também é ricamente ilustrado, com excelentes fotos, todas devidamente legendadas. Seu acabamento é primoroso.

 Todo o seu texto está em inglês, língua nativa do escritor e do editor, porém qualquer leitor ou modelista com conhecimentos básicos do idioma, como este que vos escreve, não terá dificuldade alguma em entender. Em algumas passagens um dicionário ou mesmo a internet poderão ser úteis.

 Mas o que realmente me surpreendeu quando recebi o livro foi a sua encadernação utilizando um tipo de espiral, o que permite que o livro fique aberto em cima da bancada, para consultas, sem que seja forçado ou dobrado. Realmente feito para modelistas.

O livro composto de 7 capítulos, mais uma introdução e um índice ao final. Na introdução Zaloga justifica seus métodos e parte do conteúdo do livro. Nela podemos ver algumas fotos dos primeiros modelos construídos pelo autor, o que é bastante interessante, bom como a sua disposição em mostrá-los.

Capítulo 1 – Dicas e truques de construção

Neste capítulo o autor nos mostra como melhorar alguns detalhes dos modelos. Rebites, muito bem explicados e com várias opções, para cada parte do blindado, texturas, marcações de fundição, soldas, montagem de esteiras link-by-link, suportes e alças, tipos de colas e suas aplicações, dicas e técnicas para montagem e colagem de partes em photo-etch (muito bacanas). Tenho que ressaltar que são técnicas para todos os gostos e bolsos, uso de produtos after-market e muitas soluções caseiras. Fica aqui um cutucão para aqueles modelistas puristas, que vivem criticando as técnicas alternativas. Para quem monta militaria norte-americana, sabe da importância e do conhecimento que Steve Zaloga possui nessa área,e mesmo assim, ele ensina e recomenda algumas técnicas que farias esses “modelistas” surtarem.

 

 

Capítulo 2 – Técnicas de pintura

Começa fazendo uma comparação entre tintas acrílicas e enamels. Passa pelo uso de primer, aerógrafos e equipamentos de proteção. Iluminação e técnicas básicas estão logo no começo deste capítulo. Aqui também encontramos um excelente texto falando sobre o olive drab e suas variações, e como ele utiliza vários tons dessa cor e em cada caso específico. Dicas de mascaramento, pintura de interiores e envelhecimento também estão neste segundo capítulo do livro. Acúmulos de barro e sujeira também são mostrados, bem como as suas técnicas. Steve ainda o usa para falar e exemplificar a pintura de marcações de insígnias e estrelas, bem como técnicas de chipping, blending e washes, wash com tons claros, dry-brushing e uso de pigmentos. Este é um capítulo que merece uma leitura mais calma e contemplada. E mais uma vez o aoutos apresenta técnicas simples, como a do sal e da pasta de dentes, mostrando maneiras práticas e econômicas para obter resultados excelentes.

 

Capítulo 3 – Lonas, mochilas, ferramentas e afins

Uma característica dos blindados americanos da Segunda Grande Guerra era a grande quantidade de suprimentos carregada pelas tripulações. Lonas, mochilas com pertences pessoais, ferramentas, alimentação, munição e toda sorte de carga estavam presentes em cima dos blindados. E Zaloga aborda brilhantemente essa característica, ensinando técnicas de pintura, presilhas presentes nos veículos, lonas de identificação aérea e até técnicas para a confecção de lonas. Passa também pela correta fixação das ferramentas e um aparte sobre a cor correta das metralhadoras presentes nos blindados. Aproveita também para dar dicas sobre camuflagens usando vegetação.

 

 

 

Capítulo 4 – O Fator Humano

Não, Zaloga não fala aqui dos modelistas, mas sim das figuras utilizadas que podem ser utilizadas em nossos kits. Dicas de montagem, posicionamento e pintura, figuras de plástico ou de resina e um cuidado especial sobre pintura de rostos são os temas abordados neste capítulo.

 

 

 

 

 

 

Capítulo 5 – Construindo a cena

 Neste capítulo o autor aborda diversas razões maneiras para se construir uma base para seu modelo, destacando a proteção do mesmo, a inserção em um ambiente de utilização e a valorização do trabalho finalizado. Bases de madeira com a aplicação de cenários criados no computador, a utilização de bases e cenários vendidos como aftermarkets e a construção de suas próprias bases, com dicas e técnicas e até a construção e acabamento de pequenas vinhetas estão nesta parte do livro.

 

 

 

 

 

Capítulo 6 – Fotografia

 Este é um capítulo bastante interessante e inusitado, onde o autor nos mostra que com poucos recursos podemos capturar excelentes imagens de nossos kits. Dá dicas para o tratamento das fotos utilizando softwares gráficos, algunms efeitos especiais e até a criação de cenários virtuais para os modelos, com resultados impressionantes.

 

 

 

 

 

 

Capítulo 7 – Outras leituras

Finalizando o livro, Zaloga oferece uma relação de literatura adicional para o tema. São alguns livros e muitos artigos escritos por ele, com o objetivo de fornecer ao leitor mais interessado maiores informações sobre a modelagem de blindados americanos da Segunda Grande Guerra.

Conclusão

O material da Osprey impressiona. É bem feito em todos os seus aspectos, principalmente no mais importante: o conteúdo. Ele leva, ou eleva,  o modelista para outro nível, oferecendo um material de pesquisa abrangente e completo. O conhecimento do autor juntamente com a sua experiência editorial e de modelista traz simplicidade e proximidade a muitos temas que consideramos difíceis ou complicados de se realizar.

Aliamos a isso toda a facilidade de adquirir essa e mais centenas de publicações no web site da Osprey e os preços bem camaradas, até para o nosso orçamento, e teremos sempre  à mão informações valiosas para a construção de nossos modelos.

Este livro pode ser comprado diretamente da Osprey Publishing Ltd, ele custa 19,99 GBP (cerca de R$54,00 em 05/07/2010). Para adquirí-lo clique aqui , lembrando que livros e revistas não pagam imposto de importação.

Agradeço à Osprey Publishing Ltd por ter gentilmente nos enviado esse livro para nossa avaliação e já deixo avisado aos leitores do SprueMaster que este é apenas o primeiro de muitos que vão ter a oportunidade de ler aqui no blog.

É isso aí !!!

Fernando Zavarelli

 

 

 

 

Posts Relacionados

5 Thoughts to “Review Osprey: Modeling U.S. Armor of WW II”

  1. Rubens (Kesser)

    Excelente matéria sobre o livro do mestre Zaloga.
    Eu gosto muito do estilo dele de modelagem e já li vários artigos deles nos sites de modelismo.
    Esse livro já está na lista de futuras aquisições.
    Valeu, Lucas!

    [ ].

    1. Kesser:

      Na minha opinião, Steven Zaloga é o cara que mais entende de militaria americana da WWII, e ele já passou por várias outras forças também. Quanto ao seu estilo de modelagem, é extremamente simples e objetivo. Fiquei até surpreso com tamanha simplicidade. E colocando isso no material da Osprey, então…
      Dá uma olhada no tutorial que o Lucas fez e veja que é bastante simples, e muito acessivel, adquirir esse e outros títulos da Osprey Publishing. Em breve teremos novos artigos sobre eles.

      Abração e muito obrigado.

    2. Valeu Kesser ! Obrigado por visitar o SprueMaster !

  2. J.Cataclism

    Opaaaaa!
    Show, valeu!

    1. Valeu !!! É bom saber que o pessoal está gostando das matérias….

Deixe seu comentário

Obrigado!! Seu comentário poderá ser aprovado antes da publicação.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.