Montagens & Tutoriais Tutoriais 

Usando Primer Acrilex

Já temos aqui no Spruemaster alguns posts falando da utilização das tintsa acrílicas da Acrilex. E já faz algum tempo, a Acrilex lançou no mercado o Primer para Metais, Pet e Vidro. É esse aí em baixo:

O primer acrilex pode ser encontrado em papelarias ou lojas de material para artesanato. Esse vidro de 100 ml custa entre R$ 4 e R$ 6. Também pode ser encomendado pela internet. A base de água, não tem cheiro forte e pode ser aplicado com pincel ou aerógrafo.

Para pincel, pode ser diluído com duas partes de água para uma de primer. Já no aerógrafo, recomendo a diluição de uma parte de primer para 4 partes de água e a aplicação em várias demãos, com intervalos de 15 minutos entre elas. Adere bastante bem ao plástico dos kits e a outros materiais.

Observação importante: este é um primer para tintas acrílicas à base de água. Não sei como o produto vai se comportar com outros tipos de tinta ou com o uso de outros materiais para a sua diluição, tais como Vidrex e Brilho Fácil, normalmente utilizados para diluição das tintas Acrilex. Nesses casos, recomendo que se façam testes em alguma sucata ou outro material.

A embalgem informa que sua secagem completa se dá depois de 6 horas, mas costumo esperar pelo menos 24 para aplicar tinta em cima dele. Depois de aplicado ele deixa a superfície bastante fosca, sendo também muito útil para a identificação de falhas e correções necessárias no kit.

Sempre que apresento este produto para outros modelistas, a primeira pergunta que me fazem é a seguinte: – adere realmente no PET?

Bom, vamos ver isso agora, executando um pequeno teste com o produto. Para isso, vou usar os três materiais que constam no rótulo do produto: um pote vazio de tinta acrilex, como pet, um pequeno vidro e um pedaço de lata de alumínio.

Aqui podemos ver o primer retirado de sua embalagem. Um produto bastante homogêneo e totalmente branco. Aliás, essa qualidade ajuda bastante para pinturas em que a cor branca é necessária, pois é uma cor um pouco chata de ser aplicada.

O primer tem uma consistência bastante grossa. O seu rendimento, tanto no pincel como no aerógrafo é muito bom e com certeza quem for utilizar o produto pela primeira vez irá gerar um certo desperdício. Não recomendo que o primer seja colocado de volta em seu recipiente original. Para isso utilize algum outro.

Nas fotos seguintes podemos observar a cobertura do primer aplicado com pincel nos três materiais, sendo essa a primeira demão.

E depois de três demãos aplicadas, o primer aderiu muito bem aos três materiais, fornecendo uma boa superfície para a aplicação da tinta.

Se você preferir, pode acrescentar algumas gotas de tinta no primer. Desde que seja acrílica fosca da Acrilex, qualquer cor pode ser misturada. Esse é um recurso bastante interessante, pois a base da pintura pode ser próxima da cor final do kit, facilitando essa fase da montagem.

Para ilustrar a aplicação com o aerógrafo,  apliquei o primer no kit de um Kubelwagen que está em andamento:

E aqui o resultado final, após 3 demãos, com um intervalo de aproximadamente uma hora entre uma e outra. Também apliquei nas rodas e em outros acessórios que irão compor o kit. Note que a aplicação ficou homogênea, oferecendo uma boa base para a tinta.

 

 

Recomendação útil: depois que aplicar o primer com o aerógrafo, o limpe muito, mas muito bem. O primer gruda na agulha, no copo, e em outras partes do aerógrafo. Não deixe secar demais e use água com detergente para a limpeza. É tranqüilo.

Primer para Metais, Pet e Vidro da Acrilex, um produto honesto que cumpre o que promete, com preço bastante razoável e fácil de ser encontrado.

É isso aí !!!

Fernando Zavarelli

 

Nota do Spruemaster

Particularmente não utilizo tintas Acrilex, e não as recomendo para os iniciantes devido a algumas dificuldades de uso como por exemplo a diluição, obtenção de mistura de cores. Claro que são possíveis de utilizar, entretanto existem tintas próprias para modelismo, como Tamiya, Gunze, Vallejo, Hataka, AK-Interactive entre muitas outras que são mais fáceis de obter o ponto de diluição, já vem com as cores prontas, etc.

Para dúvidas relacionadas ao uso de tintas Acrilex, por favor entre em contato com ou autor do artigo, visitando seu blog. Clique aqui.

 

Written by 

Posts Relacionados

19 Thoughts to “Usando Primer Acrilex”

  1. William Marin

    Boa Tarde!

    Fernando,

    Sou iniciante no Hobby não tenho nenhum conhecimento com aerografo, dei uma olhada em seu post sobre a diluição do primer, gostaria de uma ajuda, quando falamos de uma parte de primer para 4 de agua, como podemos classificar essa (parte), tentei fazer no olhometro mas não deu muito certo, na casa de artesanato que comprei me falaram para uma gota de primer colocar 3 de agua, mas o produto é muito espeço não da para contar gotas rs, pelo menos na pipeta nao consegui. rs

    No aguardo.

    Muito obrigado

    1. Oi Wiliam tudo bem?

      Eu não uso este tipo de primer, quem escreveu este artigo foi meu amigo Fernando Zavarelli, você pode falar com ele em seu blog. O endereço é http://www.plastidicas.com.br, ele é fera no uso das tintas acrilex e poderá lhe ajudar!

      Um grande plastiabraço e boas montagens!

    2. Marco

      com aquelas balanças de precisao pequenas digitais…

  2. vinicius

    Estou tentando aplicar o primer da acrilex, tanto ele puro como diluido com vidrex, ele escorre todo pelo kit. É assim mesmo a primeira demão?

    1. Bom dia Vinícius,

      Tente usar “mais ar do que tinta” essa é uma regra básica para pintura com aerógrafo, portanto não puxe muito o gatilho para trás na hora da pintura. Provavelmente assim vai dar certo. Particularmente não sou muito fã deste primer.

      Aqui no blog tem um artigo sobre primers, recomendo a leitura, aí vai:

      http://www.spruemaster.com/blog/2013/01/falando-sobre-primer/

      Plastiabraço e boas montagens!

  3. Cristina

    Oi….gostaria de saber qual o produto para limpar o pincel após a utilização com primer

    1. Oi Cristina,

      Pinceis sempre devem ser limpos com o mesmo tipo de solvente que utilizou para diluir a tinta.

      Plastiabraços!

  4. roberto

    boa tarde como esse primer se comporta com modelos em ABS tentei aki e acho que não aderiu bem, alguma sugestao?

    1. Oi Roberto,

      Não saberei responder pois eu não utilizo este primer, eu a dizer para você testar e ao que me parece não deu certo, acho que a saída será encontrar outro Primer.

      Plastiabraço!

  5. Romulo Mancin

    Gostaria de uma recomendação de verniz para aplicar por cima para dar um acabamento brilhante e uniforme. E, se é possivel obter um resultado uniforme utilizando pincel, ou uma esponja. Não tenho aerógrafo ainda. =/

    1. Bom dia Romulo,

      Infelizmente é impossível conseguir um resultado satisfatório com o verniz utilizando somente pincel. Como você não tem aerógrafo sugiro utilizar verniz em spray nesse caso.

      Plastiabraço!

  6. Jean

    Pessoal, falando em pincel… dá para aplicar esse cara (ou o Surfase da Mr Hobby) em um auto INTEIRO com o pincel?
    Estou no meu primeiro kit, uma Ferrari 1/24 e ainda não estou com o aerógrafo. Comprei o primer Mr. Surfacer 1000, queria ir preparando o carro para a pintura com o aerógrafo a hora que chegar o compressor. Posso passar o primer no pincel e depois dar uma lixada na água com uma lixa 2500?

    Valeu.

    1. Oi Jean,

      Você até pode aplicar com pincel, nas não recomendo por motivos:

      – Será difícil aplicar uma camada uniforme por todo o modelo, podendo ficar muito “grossa”.
      – Você irá gastar mais material do que se aplicar com o aerógrafo.

      Minha recomendação é esperar chegar o aerógrafo e aplicar com ele, já será uma boa experiência pra aprender a usar, diluir, etc.

      Recomento a leitura deste artigo sobre Primers:
      http://www.spruemaster.com/blog/2013/01/falando-sobre-primer/

      É isso aí,

  7. Rogerio Paiva

    Bom dia. Apliquei o primer numa sucata de plastico e apos 24h fui lixar com lixa 600 e ele comecou a descascar. Alguem sabe o motivo?

    1. Rogerio,

      Eu não saberia te responder o motivo, pois não utilizo este primer em meus modelos, jajá o pessoal que usa se manifesta e poderá te ajudar.

      Plastiabraço !

  8. João Pedro

    Já havia comprado este primer para teste e realmente cumpre o que se propõe. Apliquei com aerógrafo em 2 sucatas de autos, uma diluído em água e outra diluída em álcool comum (96º). A vantagem da 2ª experiência foi a secagem mais rápida. Foram demãos bem finas e diluídas, 3 no total, ficou com um acabamento fosco e bem uniforme. Depois de 24h Apliquei tinta automotiva direto, também em camadas finas e não houve reação, aceitou bem a tinta acrílica e poliéster.

    É uma ótima opção no mercado, menos agressiva que o primer automotivo e evita o constante uso do thinner.

  9. Gustavo

    Eu só queria saber como deixar tão homogênea a aplicação com tão poucas demãos!!!!
    hehehehehehe

    O meu sempre fica irregular…. tenho a impressão de que tá sempre indo “de menos”… ou então, que tá sempre diluido demais!!!

    Abraços.

    1. Gustavo:

      O primer é excelente, mas realmente temos que achar o ponto certo. Procure deixar ele menos diluído e veja como se comporta no seu aerógrafo. Se complicar, vá afinando devagar, até descobrir o ponto ideal pra você.

  10. Muito boas explicas. Uso direto no aerógrafo que é praticamente TODO de plástico ( Testors A220 Ação simples) ecom diluição de Vidrex ( limpa-vidros), é bem nesta sequência exposta, uma demão, 10-15min de espera na estufa ( leia-se estufa, uma luminária de cabeceira com uma lâmpada de 60W ) e mais duas e já tá pronto pra pintura.

    Detalhe, estou me referindo à modelos em Diecast, pois uso direto e aplico as mesmas tintas da Acrilex e o resultado pra mim e para os meus clientes é satisfatório.

    Lógico, só convém realmente ser atento à limpeza pra não perder de vez o aerógrafo com Primer ressecado!
    Abraços
    Guy

Deixe seu comentário

Obrigado!! Seu comentário poderá ser aprovado antes da publicação.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.