Aviação Reviews 

Review 1/144 Miniwing McDonnell F2H-3 Banshee # 50

A aeronave,

O sucesso do FH-1 Phantom I usado pelos Fuzileiros Navais e a Marinha Americana culminou na solicitação a McDonnell para um substituto da aeronave em operação. Surgia então o F2H  “Banshee”*, que fez seu primeiro vôo em Janeiro de 1947, a aeronave manteve uma configuração semelhante ao seu antecessor, com asa média enflechada. O F2H era maior e incorporava asas dobráveis e uma fuselagem maior, acomodando assim mais combustível, também possuía motores mais potentes (dois Westinhouse J34), instalados nas raízes das asas.

Inicialmente foi desiginado como F-2D e mais tarde F2H e, finalmente F-2. A primeira aeronave foi entregue para a Marinha Americana em 1948, e foram construídas sete variantes. Praticamente todas elas operaram na guerra da Coréia. Após a guerra as aeronaves começaram a ser substituídas por modelos mais avançados.

A Força Aérea Canadense comprou 39 ex US-Navy exemplares, e os utilizou entre 1955 e 1958. Um total de 805 unidades foram construídas.

O F2H podia voar a 933km/h e tinha uma capacidade de 454kg de armamentos, além de quatro canhões de 20mm.

O F2H Banshee é a estrela central do romance As Pontes de Toko Ri escrito por James A. Michener em 1953, mais tarde o romance se transformaria em um sucesso do cinema, entretanto no filme os Banshees foram substituídos por F-9 Panthers. Vale a pena ver o filme pois em algumas tomadas de câmera é possíver ver alguns Banshees.

Fontes:

CROSBY, Francis: Fighter Aircraft.Lorenz Books, England.2002
COOPER, Tom: Moder Military Airpower. Amber Books.
Fotos: Google

*O nome Banshee é dado as fadas mitólogicas Irlandesas, também conhecidas como  Bean Nighe na mitologia escocesa. As Banshees eram mais ou menos como uma forma obscura das fadas, pois ao avistá-las, seus dias de vida eram contados pela quantidade de gritos que ela daria.

O Kit,

Composto de 20 peças, sendo 19 em resina comum e 1 em resina transparente para o canopi, o kit é simples, como a maioria dos kits na escala 1/144, porém com uma qualidade de moldagem de dar inveja aos grandes fabricantes. O processo de injeção da resina nos moldes é diferenciado, e os moldes são produzidos em CNC, o que garante qualidade total nas peças.

Todos os painéis são em baixo relevo e não há rebarbas para remover, realmente muito bom. O encaixe das peças é outro detalhe que demonstra todo o cuidado ao se fazer o kit. Em um teste a seco que fiz, as asas encaixaram na fuselagem sem qualquer problema, ou necessidade de ajuste.

Um coisa bastante interessante deste kit é o fato do canopi também serem resina transparente, ao contrário das peças em vaccum que estamos acostumados. A qualidade da moldagem é boa e é preciso olhar com calma para perceber que a peça é feita em resina.

O manual é bem simples, do tamanho de uma folha A5, de um lado as instruções de montagem em vista explodida, e o do outro as indicações de pintura.

Os decalques permitem duas pinturas uma Americana (VF-11) e outra Canadense (VF-870). A impressão dos decalques é da Ykraft, muito conhecida pela qualidade dos decalques que produz.

Realmente é um kit que impressiona pela qualidade no geral, confesso que mesmo sendo um grande entusiasta da escala, este é um modelo pra lá de recomendado para quem quer começar a trabalhar com resina, ou iniciar na escala 1/144. Totalmente recomendado !!

Bom pessoal, agradeço a Miniwing por ter enviado este kit para review, e basta visitar o site  para encontrar uma lista de lojas onde comprar. Muito Obrigado Miniwing !

É isso aí, espero que tenham gostado de mais este review e até a próxima !

 

Written by 

Editor do Blog SprueMaster

Posts Relacionados

Deixe seu comentário

Obrigado!! Seu comentário poderá ser aprovado antes da publicação.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.