Tutoriais 

Tutorial: Como remover a pintura dos modelos.

Será preciso remover a pintura, e agora???

Que levante a mão o modelista que nunca teve problemas para remover a pintura errada de um kit não é mesmo? Frequentemente tenho de remover tudo para pintar novamente, e confesso que esta não é uma das tarefas mais legais do plastimodelismo.

A remoção da pintura de um kit não é algo muito difícil de ser realizado, mas alguns pontos devem ser levados em consideração:

– O processo consiste em deixar o kit de “molho” em alguma substância que irá remover a tinta, e isso também fará com que os detalhes da pintura do interior também sejam removidos! Utilize esta opção como última alternativa.

– A remoção da pintura irá também remover os decalques, impossibilitando-os de serem reaproveitados.

– Produtos tóxicos poderão ser utilizados para a remoção da tinta, portanto todos os cuidados com a proteção das mãos, olhos e nariz deverão ser tomados. Segurança e Saúde sempre em primeiro lugar.

– Alguns produtos podem reagir com o tipo de cola que você utiliza em seus kits, entretanto nunca tive problemas com colar próprias para o plastimodelismo pois elas reagem fundindo o plástico e não haverá problemas de descolagem nesse caso.

Basicamente estes são alguns  pontos principais a serem levados em consideração antes de realizar o processo. Vamos como proceder.

Removendo tintas Acrílicas.

As tintas acrílicas com base em água, como tintas Tamiya, Gunze Sangyo e Vallejo, são as mais fáceis de serem removidas, bastando apenas deixar o kit de molho por uma noite em uma solução de sabão em pó.

Material necessário:

– Sabão em pó –  Pode usar qualquer sabão em pó, como por exemplo, ACE, OMO, Tyxan, Ariel, etc..

– Água

– Um balde ou recipiente grande

– Um escovinha velha, uma escova de dentes velha é perfeita.

Após algumas horas com o kit de molho na solução sabão+água basta removê-lo e enxaguar, geralmente a tinta sai sem nenhum esforço, utilize a escovinha de dentes para remover a tinta de áreas mais complicadas, como reentrâncias do modelo.

Nas fotos do exemplo é possível notar que toda a tinta saiu das peças, no caso uma Hayabusa da Tamiya, mas o primer não foi removido. Isso se deve ao fato do primer ser a base de solvente, e tintas a base de solvente não são removidas com esta técnica.

Após remover o kit do sabão é importante enxaguar muito bem as peças pois qualquer resíduo de sabão irá atrapalhar a nova pintura. Também é importante lembrar para NÃO colocar as peças para secar ao sol, a não ser que você queira montar um kit todo empenado 😉

Neste exemplo estou removendo com sabão em pó tinta acrílica Gunze Sangyo na cor azul e alumínio, é possível perceber que a tinta solta praticamente sozinha, porém o primer permanece nas peças.

Removendo tintas Esmalte.

As tintas esmalte sintético com base em solvente, como primers, Gunze Mr Color, Tamiya Enamel, Humbrol, tintas Duco e outras, são um pouco mais complicadas de serem removidas, exigindo um processo semelhante ao das acrílicas mas com produtos mais tóxicos. O fluido de freio também remove a tinta acrílica.

Alguns modelistas utilizam para esta técnica Soda Cáustica, entretanto por considerá-la muito perigosa e tóxica, irei recomendar um outro produto, que também é tóxico porém um pouco mais seguro que a Soda Cáustica.

Material necessário:

– Fluido de freio para carros –  Você compra em qualquer loja de material automotivo

– Recipiente com tampa

– Um escovinha velha

Esta remoção exige um tempo ou pouco maior para que as peças fiquem submersas, geralmente em torno de 24 horas a tinta já solta completamente. Para ajudar na remoção utilize a escovinha com bastante cuidado. Não esqueça de deixar as peças em um ambiente com tampa e longe do alcance de crianças e animais.

Esta técnica tem a desvantagem de remover a putty, então todo o trabalho que você teve para selar as emendas do kit deverá ser refeito. O fluido também pode reagir com algumas colas a base de cianocrilato por exemplo (super bonder)

Já removi tintas spray com esta técnica e verniz automotivo também, com as tintas automotivas eu não sei afirmar se o óleo de freio é eficiente, pois não utilizo este tipo de tinta, mas acredito que deva funcionar.  Após remover toda a tinta do kit, não se esqueça de lavá-lo  muito bem com sabão pois o fluído de freio é oleoso e caso algum resíduo permaneça no kit você poderá ter problemas durante a pintura. Mesma regra que já disse antes, não deixe as peças secando ao sol!

Lembre-se também que dependendo do solvente ele pode atacar um pouco o plástico, então mesmo sem toda a tinta seu kit terá um aspecto um pouco fosco devido à isso.  Esta técnica pode ser aplicada tanto em peças de kits injetados em estireno quando em peças em resina.

No exemplo abaixo continuo com a remoção da tinta das peças que anteriormente removi com sabão em pó, no exemplo irei remover o primer aplicado nas peças.

Atenção: Utilize sempre luvas para manusear as peças enquanto estiver limpando com o fluído de freio, e não jogue o produto no esgoto! Você pode guardá-lo em um frasco para uso posterior, por razões óbvias também não utilize frascos de refrigerantes para esse fim. Caso decida não usá-lo mais, leve-o até um centro automotivo, lá eles darão um destino adequado para o produto. Lembre-se de sua responsabilidade com o meio ambiente 😉

Claro que estas não são as únicas técnicas existentes para o assunto, elas são baseadas em minha experiência com o modelismo, e afirmo com certeza que a melhor técnica de todas é não ser necessário remover a pintura!!

É isso aí caro leitor, espero que este tutorial tenha sido útil e até a próxima!


Written by 

Editor do Blog SprueMaster

Posts Relacionados

35 Thoughts to “Tutorial: Como remover a pintura dos modelos.”

  1. Paulo

    Para retirar o primer, qual a melhor solução?
    Pelo q entendi é deixar de molho 24 no fluído de freio, é isso?

    1. Oi Paulo tudo bem?

      Obrigado por deixar sua mensagem aqui no Blog Spruemaster.

      Você entendeu certo, é isso mesmo. Só tome cuidado pois dependendo do tipo de primer+solvente que você usou, nem mesmo o fluído de freio, que é a solução mais radical, poderá remover.

      Já testei essa solução com os primers da Gunze e Tamiya e afirmo que funciona.

      Pastiabraço e boas montagens!

  2. Rafael Salvador

    Caramba Lucas!!! Vc já havia feito esse tutorial e eu deixei passar hahahah! Muito bom

  3. Márcio

    Prezado,
    Poderia passar a dica de como fazer aqueles vidros estilhaçados em carros?
    Agradeço desde já pela atenção, obrigado.
    Márcio.

    1. Oi Márcio,

      Talvez você consiga fazer usando folhas de acetato transparente, não tenho muita experiência em carros, é apenas uma ideia.

      Plastiabraços,

  4. Ana Carolina Garcia

    Muito obrigado Lucas! Estou seguindo o seu site, espero mais dicas.

    Abraços.

  5. Ana Carolina Garcia

    Entendo, não há uma uma hipótese de remover esta parte fundida ? Abraços.

    1. Oi Ana,

      Não tenho como lhe garantir, pois pode ser que se soltem se o kit for antigo demais por exemplo, geralmente não se soltam, mas não tem como ter 100% de certeza. Se fosse colocado com super bonder por exemplo as chances de soltar são muito maiores, mas com cola própria de modelismo penso que não.

      Plastiabraços!

  6. Ana Carolina Garcia

    Eu coleciono apenas kits de ficção, tenho uma Enterprise-D para reforma, gostaria de saber se o fluído de freio remove colas da Revell ?

    Obrigado.

    1. Bom dia Ana Carolina,

      Normalmente o fluído de freio não ataca as colas próprias para o modelismo, uma vez que elas trabalham derretendo o plástico e colando por meio de fusão.

      Plastiabraço!

  7. Gustavo

    Os kits pintados com tinta acrlica da Revell não sai com água e sabão, pode deixar ate uma semana e nada…, pode tentar com álcool 70% ou melhor se é com álcool isopropílico.

  8. Rommel Nóbrega

    Mais um show!!!!

  9. Marcos Surian Thomaz

    Dicas excelentes, Lucas…
    Muito obrigado…

  10. wilson "shepard"

    Bacana meu amigo… dicas anotadas!!

    abraço

  11. Ronaldo

    Lucas, parabéns por mais um tutorial.

    Além do sabão em pó, já usei água sanitária (cloro) para remover tintas acrílicas. As tintas para modelismo saem fácil mas algumas para artesanato são mais difíceis de remover (a Mural Color p.ex.). A vantagem do sabão em pó é que é mais seguro para manusear.

    1. Obrigado Ronaldo!, e sim, a água sanitária também funciona. Mas também acho usar o sabão em pó mais tranquilo.

      Plastiabraço!

  12. Sylvio Deutsch

    Legal, vou testar a água com sabão num foguete Saturno V que tentei pintar 15 anos atrás com acrílico com pincel. Imagine a porcaria que ficou (:

    Acrescentando um detalhe: o pessoal costuma usar fluído de freio ou aquela pasta pra limpar fogão (também ultra perigosa pra saúde) pra tirar cromados, mas os resultados são duvidosos. Outro dia tentei com soda cáustica e é incrível, em menos de uma hora não resta nada do cromado. Se quiser tirar também o primer que usam nas peças antes do cromo, aí o melhor é o fluído de freio (ele não funciona de cara porque o cromo não deixa chegar no primer).

    1. Valeu pelas dicas Sylvio!

      Plastiabraço,

  13. Joselito

    Obrigado pela dica, muito interessante.
    Gostaria saber qual é a técnica mais adequada para remover tinta automotiva do plastico rígido?

    1. Oi Joselito,

      Eu não uso esse tipo de tinta devido a sua grande toxidade, mas provavelmente o óleo de freio irá funcionar com as automotivas.

      Plastiabraço!

  14. Daniel Follador

    Mais um tutorial super útil velho! Não uso fluido de freio mas usava soda cáustica…até agora…

    Abraço!

    Daniel

    1. Obrigado! Fico contente em saber que foi útil

      Plastiabraço!!!

  15. Ricardo

    Lucas, maravilha melhor impossivel

    1. Muito Obrigado Ricardo

      Plastiabraço!!!

  16. Beleza de Tutorial, Lucas!
    Só pra acrescentar, nas acrílicas se o modelista não puder deixar o kit de molho pra não estragar o interior, por exemplo, dá pra remover toda a tinta com acetona de farmácia, uma escovinha de dentes e uma boa dose de paciência.
    Ah, esse processo costuma remover também o putty.

  17. Marcio

    Sabia da soda cáustica, mas o fluído é novidade pra mim .
    Parabéns, vivendo e aprendendo no Spruemaster!!!.

    1. Obrigado Márcio! Sempre fico contente em saber que as matérias são úteis para o pessoal…

      Plastiabraço!

  18. Vlamir 'FІЯЭFФЖ' Bueno

    É uma pergunta que sempre aparece nos fóruns, e agora é só colocar o link desse artigo. Muito legal, colega. Parabéns.

    1. Isso mesmo Vlamir, a intenção é justamente essa hehehe

      Muito obrigado e plastiabraço!

  19. Kleverton

    Lucas!

    Excelente, meu amigo!

    O fluído de freio reagindo com o super bonder, não danifica o plástico?
    Ou apenas remove a cola?

    Obrigado.

    1. O Kleverton, geralmente o fluído dá uma enfraquecida no superbonder, eu não sou químico pra responder com exatidão, mas já tive kits que soltaram e outros que não. Na dúvida use sempre a cola para modelismo que não haverá problemas.

      Plastiabraço!

  20. Rogerio 77

    Já tirei pintura enamel (de Humbrol por exemplo) de muitos kits meus usando o sabão em pó, e soltou facilmente também.

Deixe seu comentário

Obrigado!! Seu comentário poderá ser aprovado antes da publicação.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.