Posts Relacionados

18 Thoughts to “Um chamado para todos os plastimodelistas!!”

  1. Afonso Gonçalves

    Caro amigo:
    Acabo de preencher seu questionário. Achei ótima sua iniciativa. Mas permita-me algumas observações a título de complementação:
    Sou daqueles “dinossauros” do hobby, pois venho praticando (variando na intensidade) desde a década de 50. SEMPRE a maior dificuldade que tive foram as tintas. Detesto acrílico. Já usei muito esmalte da Floquil, mas ultimamente dou preferência aos esmaltes e lacas da Testors na linha Model Master. E infelizmente está quase que impossíve conseguir essas tintas aqui no Brasil, E mesmo lá fora, muitas lojas não as enviam por conta de normas de segurança pós 11 de setembro. Compro muito aftermarket, incluindo decalques, photo etched e máscaras para cockpit. Resina pouco, a não ser pneus “weighted”. Pesquiso bastante, mas compro poucos livros, pois a internet resolve meu caso, inclusive podendo baixar muito livro em formato PDF. Prefiro comprar no Brasil (mesmo às vezes pagando um pouco mais) devido à presteza na entrega. Mas obviamente fujo dos preços abusivos. Às vezes uso o mercado livre, mas só se não tiver outra opção, sempre tomando cuidado com os picaretas que infestam o site. Felizmente, nessa altura do campeonato (65 anos) minha maior limitação não é financeira (apesar de não ser rico: longe disso) O que mais me limita é a falta de espaço, (mesmo minha mulher sendo uma santa).
    Abração

    1. Oi Afonso,

      Muito obrigado por responder a pesquisa! Se puder, por favor divulgue entre os amigos. Vamos chegar nas mil respostas 😀

      Quanto a sua colocação, infelizmente dependemos dos importadores, e estes estão numa situação muito complicada, o Governo se tornou o maior sócio de todas as empresas no Brasil.

      Recentemente um amigo meu lojista importou 5000 Reais em tintas para vender em sua loja, sabe quando deu de impostos? 5800,00 Reais, ele pagou de 60% de imposto de importação que deu um valor X e depois ainda 18% de ICMS em cima do valor X, ou seja imposto em cima de imposto, isso resultou em mais de 100% só de impostos em cima do preço de custo, daí você coloca o lucro + custos operacionais de loja dele que são entre 10 e 15%, imagina o preço final de cada potinho de tinta 🙁 se ele fosse revender pra algum outro lojista vender para o consumidor final, imagina quanto não daria o valor de cada potinho… Por isso as coisas são tão caras por aqui, a culpa não é dos importadores e nem dos lojistas, mas do Governo que literalmente rouba um valor absurdo (pra não falar ridículo) em impostos usando como desculpa a proteção de uma indústria nacional que sequer existe.

      A título de curiosidade, segue o resultado parcial do tipo de tinta que o pessoal que respondeu a pesquisa mais usa:

      Um grande plastiabraço e boas montagens!

      1. Afonso Gonçalves

        Olá. Obrigado pela resposta.
        Você está coberto de razão. O peso do governo nesse país a cada dia que passa sufoca cada vez mais qualquer um que seja louco bastante para tentar empreender. E não vejo, pelo menos num horizonte próximo, qualquer esperança de melhora. Bem fizeram os franceses que inventaram uma maquininha que acabou rapidinho com os privilégios lá pelo final do sec XVIII… Eu, pelo meu lado, sempre procurei prestigiar os lojistas brasileiros, dando preferência a estes mesmo com preço um pouco acima dos praticados lá fora. Mas acabo tendo que importar muita coisa, porque simplesmente não encontro no mercado nacional. E pelo que pude perceber em mais de 50 anos de hobby, não tenho muita esperança que o quadro mude.

        1. Pois é meu amigo, infelizmente também não vejo muita saída, e eu também sempre que posso prestigio os lojistas nacionais.

          Plastiabraço!

  2. Olá Lucas, tudo bem? Alguma novidade sobre os resultados da pesquisa? Nós como importadores estamos ansiosos!
    Alias, muito boa a sua resposta sobre os preços do plastimodelismo no Brasil.
    Abs!
    Bruno

    1. Oi Bruno,

      Obrigado, acho que fui claro sobre os custos dos kits.

      Quanto a pesquisa, está complicado, até agora tenho 564 respostas sendo que 16 pessoas responderam mais de uma vez o que dá em torno de 530 repostas reais. Ainda é metade do alvo que preciso para que a pesquisa tenha um bom resultado.

      O maior problema que estou enfrentando, e confesso que achei que isso não seria tão complicado, é justamente encontrar gente disposta a responder.

      Infelizmente nem todo mundo acredita que pode contribuir a ajudar o plastimodelismo.

      Vou manter a pesquisa até conseguir as mil respostas, vamos ver quanto tempo isso vai levar. Estou até um pouco chateado com isso, pois achei que o pessoal fosse colaborar. E olha que só de prêmios aí tem quase mil Reais 🙁

      Mas vou continuar.

      Plastiabraço!

  3. Rubens

    Lucas, parabéns pela iniciativa da pesquisa e parabéns pelo blog. Realmente devemos ter mais pessoas engajadas em expandir o hobby aqui no pais, mas há muita animosidade e interesses próprios de status envolvidos que atrapalham tudo. Mas o tempo se incumbira de aparar as arestas. Continuemos na luta.

    1. Pois é Rubens,

      Existem muitas coisas que de certa forma atrapalham o crescimento desse nosso hobby, e essa pesquisa irá virar o mundo de alguns de ponta cabeça, pois os resultados que já tenho quebram paradigmas enormes, por isso a necessidade de termos ao menos mil participantes, assim o pessoal não terá como contestar os resultados 😀 😀

      Um grande plastiabraço!

  4. Paulo Prado

    Lucas parabêns novamente pela iniciativa.
    Já preenchi e vou divulgar o link para meus amigos.

    Vida longa ao Spue mAster.

    1. Muito Obrigado Paulo!!

      Toda e qualquer ajuda é muito bem vinda.

      Plastiabraço!

  5. Paulo Sérgio Rodrigues da Silva

    Caro Lucas, obrigado novamente por enviar o reforço da pesquisa.
    Já respondi e não vou responder de novo, usando sua recomendação e conselho, pois uma dualidade cancelaria minha participação.
    Vou comentar o que a maioria dos modelistas acham com relação ao nosso hobby aqui no Brasil.
    O item que mais atrapalha os modelistas são os preços, aqui muitas vezes são impraticáveis, muito caros, prefiro fazer a importação direta, pois mesmo pagando o manuseio e postagem saem mais barato que os mesmos vendidos aqui no Brasil nas lojas de modelismo. Não acredito mais na falácea de que o encarecimento está nos impostos, conversa fiada! Você deve até conhecer a frase “se colar, colô”.
    Os lojistas que são poucos por sinal, consultam os preços nas lojas no exterior e jogam os preços para venda em duas ou três vezes mais para revenda aqui no Brasil.
    Precisamos de tintas! As mais divulgadas são as da marca Humbrol, Gunze e Valejo. Infelizmente os preços são extratosféricos.
    Decais, existem várias marcas, mas nínguém, traz. Exemplo: SuperScale, Aeromaster, Xtradecal, FigtherTowm, entre outros. Isto só como referência a opção aviação.
    Fora isso existem photo-etcheds, resinas, ferramentas e afins.
    Mas os preços!!! Sem chance.
    A Tamiya aqui no Brasil ou seu representante, outra piada de mal gosto. Eles até dividem o valor no cartão pelo preço que cobram. Tão de brincation to me, né? Não vende, não ganham no giro da mercadoria, não funciona aqui no Brasil, assim como em outras modalidades de hobbys aqui no Brasil.
    São produtos industrializados, não são artesanais e exclusivos!
    Não existem incentivo, é mercado restrito! Só que os ricos não mantém esta comercialização, é o assalariado que busca esta válvula de escape.
    Estas mazelas de variedade do produto, agregados ao preço, poucas lojas, pouca concorrência! Não levam o hobby adiante. Há não ser por aqueles poucos que ainda o seguem e que procuram opções mais acessíveis. Modelistas é claro, porque se depender dos lojistas…
    É só um parecer, para você ter uma idéia de como são as coisas aqui no Brasil.
    Espero poder ter ajudado de alguma forma.
    Tenho facebook Paulo Rodrigues da Silva e whatssapp (11)97398-7682 – para divulgar para outros amigos modelistas a pesquisa em questão, me envie o link que repasso.

    1. Oi Paulo,

      Muito obrigado por responder a pesquisa, e pode divulgar o link para seus amigos sem problemas!

      Quanto aos lojista a situação é bem complexa, pois nós pessoas físicas quando compramos no exterior temos um tipo de importação simplificada onde pagamos a taxa de importação e em alguns estados o ICMS.

      No caso dos lojistas o caminho do kit é longo até chegar na prateleira:

      – O kit sai do fabricante, alguns deles tem pedido mínimo, neste ponto o importador tem que fechar um contêiner para trazer as mercadorias, e acredite um contêiner cheio de mercadorias de modelismo é coisa pra caramba. Nesse ponto o importador precisa ter certeza que vai vender o que está trazendo.

      – As duas primeiras coisas que compõem o preço do kit já estão aí, o preço de custo e o de transporte, afinal será preciso colocar o contêiner em um navio e mandá-lo para cá.

      – Quando o contêiner chega no Brasil, existem taxas portuárias, alfandegárias e algumas outras “árias” que o importador tem que pagar, este é o terceiro ponto a compor o preço de um kit.

      – Quando o kit chega no importador, ele vai colocar ainda os impostos de importação (que são diferentes dos nossos), seu lucro e seus custos operacionais para manter sua empresa aberta,assim estes são mais custos a compor o preço do kit.

      – O lojista vai comprar do importar, que em alguns casos, também exige pedido mínimo, ou seja o lojista precisa também ter certeza do que “vai vender”. Nesse ponto o lojista acrescenta seu lucro, seus impostos (mais uma vez) e seus custos operacionais.

      Assim em resumo, o preço final de um kit é composto basicamente por:

      – Preço de custo
      – Custo de envio entre o fabricante e o importador
      – Custos do importador com o desembaraço aduaneiro, taxa portuárias, etc
      – Margem de Lucro do Importador
      – Impostos do Importador
      – Custos operacionais do importador (aluguel, luz, funcionários, contador, etc..)
      – Preço final para o lojista:
      – Lojista inclui seu lucro
      – Lojista inclui seus impostos (mais uma vez)
      – Lojista inclui seus custos operacionais (aluguel luz funcionários, contador, etc.)

      Preço final para o consumidor.

      Perceba que o caminho do kit entre o fabricante até nossas mãos é muito grande, e isso claro, vai compor o preço final do produto. Fazendo com que haja esta diferença de preço quando comprarmos “lá fora”.

      Existem algumas maneiras de conseguir reduzir este custo, mas para isso seria preciso lojistas e importadores se unirem, e como sabemos isso é quase impossível de acontecer.

      A minha pesquisa tem por objetivo mostrar aos importadores e lojistas o tamanho e a capacidade monetária do mercado de plastmodelismo no Brasil, assim quem sabe eles possam traçar estratégias para o preço final para o consumidor seja menor, assim todos nós ganhamos.

      Basicamente é isso.

      Isso acontece não só com qualquer hobby como também com outros produtos, compare por exemplo os preços de um carro aqui no Brasil e o mesmo carro “lá fora”. Pode parecer besteira, mas o “governo” é o maior sócio disso tudo e quem banca somos nós, infelizmente.

      Plastiabraço e boas montagens.

      1. JOAOEDUARDO MIGLIORE PINTO

        João Eduardo migliore pinto sempre participei eventos de plastimodelismo desde 14 anos de idade no hotel Danúbio / museu aeronáutica Ibirapuera fundação santos Dumont em santos base aérea 12 982 198338

        1. Oi João, a pesquisa para ser respondida está no link!!

          plastiabraço!

  6. Daniel Iscold

    Pronto já respondi pode me mandar o livro do Hurricane… Valeu!!!!

    1. JOAOEDUARDO MIGLIORE PONTO

      Por favor mande o livro

      1. João, o livro será sorteado conforme as regras para preenchimento da pesquisa, veja o primeiro vídeo que publiquei sobre a pesquisa e você irá entender.

        Obrigado por participar e plastiabraço!

    2. ahahaahahh tem que esperar chegar nas mil respostas e o sorteio meu amigo!! 😀

Deixe seu comentário

Obrigado!! Seu comentário poderá ser aprovado antes da publicação.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.